sexta-feira, 25 de janeiro de 2008

Orgia sindicalista até no ministério

Luiz Marinho, sindicalista da CUT que hoje é ministro da Previdência, determinou que invasores de terra podem descontar o tempo de invasão para a aposentadoria rural. A medida, obviamente, favorece quem desrespeita a lei, esse escudo "burguês". O sindicalismo petralha está enterrado nos anos 80 - aliás, como a mentalidade que essa etnia espalhou pelo país. É atraso para décadas.

Ah, sim, Marinho é aquele líder sindical que, anos atrás, participou de orgias na Alemanha, pagas pela Wolskwagen. (Nada contra orgias, desde que às próprias custas).

Sobre o desprezo à ordem jurídica, leia "Prêmio ao invasor", do Estadão.

No mais, um saquinho, por favor.

8 comentários:

Debora disse...

Como? Isso eh serio?

Orlando Tambosi disse...

Débora,

você já é uma "gringa", nem mais reconhece o jeitinho pátrio (petralha, aliás)...

Anônimo disse...

O que é Território, Povo, Nação, Estado? O que é Sociedade? O que é Sindicato? O que é Instituição? O que é Trabalho? O que é Legalidade? O que é Previdência? O que é Indenização? O que é Constituição e Ato Institucional? O que é Aposentadoria? O que é Crime? O que é Quadrilha (tem também no sentido de favorecer delitos)? O que é Próprio Nacional? O que é Bem de Uso Comum? As respostas dependem de leituras em várias áreas dos ANTROPOMORFOS de uma esfera de Estudos (provavelmente deixam de ser analfabetos e ignorantes - cinco anos de Escola Superior) chamada Direito. Tarso Genro sabe? Jobim sabe? São os homens da Justiça e Defesa. Sabem? Os Procuradores sabem? Os Julgadores sabem? Os Advogados sabem? A Imprensa sabe (jornalista-advogado é o trivial; deve saber ou tem assessoria; o Editorial apontado revela)? Quem não sabe? Quem não procura saber? Quem sabendo, nada faz? O que é Direito?

Leticia disse...

Nem fala! Meu pai está tiririca com isso! A Previdência tem dívidas com ele há anos, e ele diz que nem o neto poderá contar com a grana.
Sabe como é, no Brasil, gente que se ocupou em trabalhar a vida inteira é que funheca. E eu, entre um trabalho e outro, tento dar uma de boba da corte pra ver se ele se distrai.

Debora disse...

Só para fazer um contraponto: a possibilidade de uma recessão nos EUA fez com que o governo americano acenasse com a proposta de uma "bolsa" para famílias que ganham menos de U$70 mil por ano. A intenção da "bolsa" é de estimular o consumo que anda baixo para os padrões daqui. O que parece com um bonus bancado pelo governo deixou muita gente ultrajada. Ouvi comentários dizendo que o governo não tem que interferir dando dinheiro diretamente à população, que isso caracterizaria compra do cidadão e por aí vai.
E eu cá pensei comigo: se fosse no Brasil, qual seria a reação?

Ricardo Rayol disse...

Ora só está sendo coerente. ehehehe

Cristiana Passinato disse...

Quero ser tb sem-terra, sem-teto, sem qq coisa pra ter essa mordô toda, e ainda de quebra ser líder de sindicato e categoria pra poder ter essas regalias.
Pra que a gente lê tanto, estuda tanto, né?
Fácil, basta invadir umas propriedades, quebrar um pau, falar alto e discursar falando errado que pronto, tá bem na fita.
Pra quê ralar tanto!
risos

Cristiana Passinato disse...

Explicando: ter orgias pagas e ainda ser aposentado e pago pelo governo pela sacanagem profissionalizada pelo sindicato e pelo governo pra mim é uma regalia do caramba, pq nem o feijão com arroz tá fácil de pagar ou que paguem pra mim, imagina orgias e tudo mais.
Ou seja, até o prazer do bandido foi com dinheiro alheio, mas é mta cara de pau, e ainda falam que é um dos melhores governos da nossa história!