domingo, 6 de março de 2016

Explique aí, Dilma: o contribuinte paga suas visitas a Lula?

Visita a um ex-presidente é decisão privada, não de Estado. Dilma afrontou a Justiça visitando o tiranete de São Bernardo, tudo às custas de quem paga impostos, taxas etc:


O partido Democratas (DEM) pretende apresentar, nesta segunda-feira, um requerimento de io informações à Presidência da República e à Casa Civil para saber quem pagou pela viagem da presidente Dilma Rousseff a São Bernardo do Campo (SP), no último sábado, onde ela se reuniu durante uma hora com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. “Queremos saber por que ela usou o avião e o helicóptero da Presidência para visitar o Lula”, disse o líder do partido da Câmara, Pauderney Avelino (AM) ao Estado. “Isso não é um ato da Presidência, é um ato político.” 

Para o líder, ela até poderia ter feito a visita. Mas não bancada pelos cofres públicos. “O País, na situação em que se encontra, quebrado, e ela fazendo essas transgressões, a meu ver.”

O deputado informou que os parlamentares de oposição estão mobilizados para, já na segunda-feira, estarem em número suficiente para abertura da sessão no plenário da Câmara, às 14 horas. São necessários 51 deputados. O objetivo é fazer discursos centrando fogo contra o governo. “E, a partir da terça-feira, obstrução total.” Os partidos contrários ao governo não querem votar nada até que a comissão especial que vai analisar o impeachment de Dilma seja instalada. (Estadão).

Um comentário:

Anônimo disse...

A rigor a dilmente nem precisava ir agora, pois terá tempo de sobra para tertúlias com o apedeuta no palácio da Papuda.