domingo, 17 de abril de 2016

A primeira estaca foi cravada. É o começo do fim do nefasto lulopetismo.

Como disse em post anterior, a propósito de um editorial do Estadão, hoje vimos pela TV o começo do fim do lulopetismo, que aviltou as instituições, corrompeu valores e princípios e destruiu a economia. A última estaca, repito, será cravada nas eleições municipais, que sepultarão de vez o partido totalitário.

Como também ressaltei no dia 13 passado - embora não possa ser considerado o "Bruxo da Ilha", bem longe de Brasília -, a vitória do impeachment alcançaria acima de 360 votos. E alcançou.

Tim-tim. 

Adeus, Dilma. 

E boa noite aos amigos e leitores.

6 comentários:

SHAMI disse...

QUO VADIS
E não achei AINDA onde o MANGABEIRA UNGER dá aulas em HARVARD..
procurando

eu não guento

SHAMI disse...

Quo Vadis
Achei !!!..
https://www.directory.harvard.edu/phonebook/submitSearch.do

o que é ROSCOE POUND ???

seria UM asponex?..:
http://harvardmagazine.com/2015/05/harvard-college-general-education-criticized

eu não guento

SHAMI disse...

QUO VADIS
Caso o link do "mangabeira" não abrir..
https://www.directory.harvard.edu/submitSearch.do;jsessionid=B439F4CA8AC5762A8604B50AE8C7B59C

eu não guento

Italo Bertoldi disse...

Tim Tim

Hoje acordei e me senti melhor.

Anônimo disse...

Sim. Mas é uma luta que ainda vai perdurar. Graças a pessoas como Orlando Tambosi, que se opõe a esta quadrilha desde o primeiro segundo do governo Lula (antes disto) incansavelmente mantém o blog e expondo sem tréguas estes vampiros. Isto desde quando se opor a Lula e ao PT era um crime diante da iludida sociedade brasileira. Acompanho o Blog desde 2007 quando o descobri e sempre o divulguei e isto ajudou muitas pessoas a acordarem para o que o PT e a "sacrossanta" esquerda do Brasil.
Orlando, obrigado pelos seus esforços, tempo e dedicação. Espero que este seja o fim definitivo do petismo e suas linhas auxiliares.

Michael Muller

Orlando Tambosi disse...

Tim-tim, Italo.

Michael Muller,

muito obrigado, estou nesta luta desde 2005 - quando passei a ser chamado de "reacionário" na UFSC justamente por criticar o tiranete Lula e seu partido totalitário.

Grande abraço.

P.S.: talvez sejamos parentes longínquos: minha mãe era Muller também.