quarta-feira, 18 de maio de 2016

Temer pensa em extinguir a TV Brasil (a velha "TV Lula"). Que não deixe para amanhã.

A TV Lula, que jamais alcançou um ponto de audiência, consome milhões só para divulgar panfletos petistas. É uma TV nos moldes bolivarianos. Extinção já:

A extinção da TV Brasil entrou no radar do governo Michel Temer. Com um custo de R$ 750 milhões por ano, a Empresa Brasileira de Comunicação (EBC) vai passar por um processo de enxugamento rigoroso. A televisão criada em 2008 para funcionar como emissora de caráter público, nunca passou de divulgadora de panfletos petistas nem conseguiu sair do “traço” em termos de audiência. Se suas transmissões forem de fato canceladas, a TV Brasil e sua estrutura passariam a atuar como produtoras de conteúdo para a agência oficial de notícias. (Estadão).

8 comentários:

Anônimo disse...

O Governo Temer não tem demonstrado firmeza. Sempre que toma alguma atitude e é criticado pela esquerda (imprensa) volta atrás. Primeiro foi a choradeira feminista que não tinha nenhuma mulher no governo. Temer correu e começou a colocar mulheres no segundo escalão, mesmo sendo competentes como muitos alegam, é notório que o simples fato de serem mulheres pesou muito na escolha. A segunda foi fechar o Ministério da Cultura, depois da imprensa e dos parasitas que atuam e cantam fazer alarde, já voltou atrás e incorporou no MEC e já chamou uma representante para conversar. Não sei se ele mantém a medida de fechar a TV Lula. Ele tem mostrado fraqueza seguidamente e se tornou refém da meia dúzia de sempre que se acham a bússola moral da nação.

Anônimo disse...

Temer toma uma atitude e a mantém, chie quem chiar ou muito em breve estará desmoralizado e aí será mais do mesmo. A TV BRASIL é TV traço, ibope zero. Quem provar que assistiu algum programa ganha um terreno em Brasília. Acaba com essa droga.

O MESMO de SEMPRE disse...

.
(...)
A idéia de anter o Poder sobre os governados e explorados sempre se deu através de induzi-los à se crerem despreziveis.

Toda ideologia sempre incutiu nas mentes que o indivíduo é um ser reles e que por tal deve se representar em MITOS superiores à individualidade repugnante.

É assim que a adoração foi incutida nas mentes para que se adorasse "seres fantásticos" ou Ídolos e na sequencia se adora mitos ainda mais abstratos de cunho COLETIVISTA como a PÁTRIA, a IGREJA a qual se pertence, a CLASSE, a HUMANIDADE, um TIME de FUTEBOL e quais quer asneiras que se possa conceber como MITO AGREGANTE ou MITO COLETIVISTA.

Ou seja, a idéia é fazer os indivíduos pertencerem a grupamentos pretensamente representativos, sendo que a estes os indivíduos devem SUBMETEREM-SE através do quê??? ...heim??? Ora ora! ATRAVÉS das LIDERANÇAS que se farão INTERMEDIÁRIAS entre o MITO e a MASSA.

Ai os trouxas ficam felizes porque não valem por si mesmos, mas pela organização que os representa e comanda: o indivíduo é um lixo, mas pertence e se faz representar por um MITO GRANDIOSO muito maior que qualquer individualidade.

Os recalcados tendem entãio ao FANATISMO pela ÂNSIA de imporem a todos a submissão a esta liderança. Assim se fanatiza sob a estúpida idéia de que ser UM PEDAÇO de ALGO GRANDIOSO é MEELHOR do QUE SER UM INDIVÍDUO COMPLETO. Afinal, ao olhar para si SÓ VÊ LIXO!!!

O MESMO de SEMPRE disse...

Defender que a população, carente de tudo, desde hospitais, saneamento e até de efetivos policiais bem treinados e equipados (e independentes), continue financiando debeis mentais, espertalhões, oportunistas, vadios, aproveitadores, artistas e midiáticos milionários ou não é algo que deveria REPUGNAR até a menos nobre das almas. Ao contrario disso o que vemos são NABABOS que viajam ao exterior na classe executiva, no mínimo, a reivindicar verbas oriundas de impostos para AINDA MAIS ENRIQUECÊ-LOS e ceva-los em troca de seus discursos moralóides e pegajosos em favor da esquerda ou mais propriamente do ESTADO TOTALITÁRIO que os pode mimar, custear seus luxos e conceder-lhes privilégios de toda sorte, sejam econômicos ou juridicos.

Enquanto artistas e assemelhados, grande parte milionários, usufruem de RENÚNCIA FISCAL e incentivos fiscais além de VERBAS PÚBLICAS, a população que TRABALHA e PRODUZ bens e serviços ÚTEIS é EXPLORADA por ESCORCHANTES IMPOSTOS sem receber NENHUMA CONTRAPARTIDA ao MUITO que PAGA.

Anônimo disse...

Temer tô contigo e não abro!Fora com essa coisa!Nunca assisti nada nisso daí!Temos que poupar dinheiro pra saúde e educação!Tem que atuar como nada!É fechar!!!!!Pra sempre!!!!Terá nosso apoio se não ficar cedendo pra esses borra-bostas!!!

Beleg Cúthalion disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Beleg Cúthalion disse...

Temer era o que eu temia: mais do mesmo. Está se mostrando um tigre de papel. Agora ele disse que aumentará a verba da cultura e pediu para liberar mais verbas para a lei Rouanet. Convidou várias globais para assumissem a secretaria da cultura e tomou recusa de todas: entre elas Daniela Mercury e Fernanda Montenegro. Ele diz sobre extinguir a TV Brasil, basta a Folha de S. Paulo, Globo e a esquerdalha de sempre espernear que amanhã ele dirá que ampliará o canal e convidará Paulo Henrique Amorim para ser o novo presidente. Ele já possui um paralelo no exterior: Low Energy Jeb Bush (ou Cuck que é mais apropriado) quem acompanhou as primárias do partido republicano viu a exibição de frouxo sem convicção que se curvou para tudo e para todos.

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.