terça-feira, 9 de agosto de 2016

Brucutu socialista dos EUA pede intervenção em favor de Dilma

Bernie Sanders, que foi concorrente de Hillary Clinton, é um senador do Partido Democrata defensor de ideias socialistas - uma espécie de Chávez norte-americano. Como todo socialista, só diz bobagens e revela desconhecimento do processo democrático no Brasil. Que milhares de democratas tenham votado nesse sujeito é indicativo do baixo nível em que trafegam os políticos democratas:


O senador Bernie Sanders, que disputou com Hillary Clinton a candidatura democrata à presidência dos EUA, pediu nesta segunda-feira, 8, que o governo norte-americano “tome uma posição definitiva contra os esforços para remover a presidente democraticamente eleita do Brasil”, Dilma Rousseff.

Sanders também defendeu a realização de eleições presidenciais antecipadas para resolver o impasse político brasileiro.

“Para muitos brasileiros e observadores, o controverso processo de impeachment mais se assemelha a um golpe de Estado”, declarou o senador em uma nota divulgada em seu site oficial. Sanders disse ainda que está “profundamente preocupado”.

“Depois de suspender a primeira presidente mulher do Brasil por razões duvidosas, o novo governo interino, sem um mandato para governar, aboliu o Ministério das Mulheres, da Igualdade Racial e dos Direitos Humanos. Eles imediatamente substituíram uma administração diversificada e representativa por um ministério composto inteiramente por homens brancos”, ressaltou o senador norte-americano, que é conhecido por suas posições progressistas.

Sanders afirmou também que o novo governo interino anunciou rapidamente planos para impor austeridade, aumentar a privatização e instalar uma agenda social de direita.

“O esforço para remover a presidente Rousseff não é um julgamento legal, mas político. Os EUA não podem sentar-se em silêncio enquanto as instituições democráticas de um dos nossos aliados mais importantes são minadas”, disse ainda o senador norte-americano. (Opinião e Notícia).

Um comentário:

Despetralhando disse...

Será que este caquético senhor já não passou da idade para fazer política?
é bestial como um senador que deveria saber o que está falando, não sabe nem do que fala e sendo assim não respeita a soberania de um país que não lhe deve nada e se deve (Petrobras) é porque foi a administração petralha que acabou com a empresa.