quinta-feira, 15 de setembro de 2016

A patética figura do tiranete Lula: um Cantinflas entre nós.

Os mais velhos devem se lembrar do mexicano Cantinflas.
Nunca imaginei ver no Brasil algo semelhante aos cucarachos, pra usar uma linguagem antiga. Mas o PT conduziu o país ao nível de qualquer republiqueta cucaracha. Em vez do bigodinho, temos a barbinha, o cavanhaque etc (e olha que uso cavanhaque também).

O desfecho da tragédia se deu hoje, com o tiranete Lula choramingando, atacando as instituições, aquelas cantilenas de costume petista.

Que cena miserável e patética. Para nunca mais ver algo semelhante.

Restaure-se a dignidade.

Um comentário:

Anônimo disse...

É lamentável a gritaria, contra a Lava Jato, do jornalista Reinaldo Azevedo. Esse camarada, a pretexto de um legalismo altamente discutível vem se constituindo num dos maiores críticos da Moro e Dellagnol, para a satisfação da bandalha petista. Não sei se ele é um desinformante ou se é apenas um idiota-útil. Mas, de qualquer modo, ele é, agora, um adversário da Lava Jato e, portanto, alguém a ser tenazmente combatido pelos brasileiros de bem.