sábado, 3 de dezembro de 2016

O populismo econômico

Interessante observação de Alan Greenspan: 

"O populismo econômico imagina um mundo mais simples e direto, no qual as estruturas teóricas não passam de dispersões em relação às necessidades evidentes e prementes. Seus princípios são simples. Se há desemprego, o governo deve contratar os desempregados. Se o dinheiro está escasso e as taxas de juro, em consequência, estão altas, o governo deve impor limites artificiais ou, então imprimir mais dinheiro. Se as importações estão ameaçando empregos, proíba as importações."

De populistas, tanto em sentido econômico quanto político e cultural, a América Latina está cheia - e há muito tempo. No caso brasileiro, Lula e o lulopetismo são a última - e anacrônica - versão, junto com Maduro, Correa, Morales et caterva. A propósito, recomendo o livro A Grande Mentira - Lula e o Patrimonialismo Petista, de Ricardo Vélez-Rodríguez (Vide Editorial, Campinas).

Um comentário:

Anônimo disse...

SÃO AS TEORIAS DOS PETISTAS !