terça-feira, 11 de julho de 2017

Senadoras petistas envergonham o país

Três senadoras do PT, à frente Gleisi Narizinho Hoffmann, e a retrógrada comunista Fátima Bezerra ocuparam a Mesa do Senado, revelando uma vez mais o caráter antidemocrático da esquerda brasileira:


As senadoras da oposição Gleisi Hoffmann (PT-PR), Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM), Fátima Bezerra (PT-RN) e Regina Souza (PT-PI) ocuparam a Mesa do plenário do Senado na manhã desta terça-feira e se recusam a deixar o posto. O presidente da Casa, Eunício Oliveira (PMDB-CE), chegou para comandar a sessão da reforma trabalhista e tentou conversar com as senadoras, mas não foi atendido. Ele ficou visivelmente irritado e suspendeu os trabalhos.

Após cerca de 10 minutos de sua chegada, Eunício tomou o microfone da senadora Fátima Bezerra, que presidia a sessão. Ele disse ainda que iria cortar o som dos microfones até que pudesse comandar os trabalhos e foi aplaudido por senadores da base, que exclamavam que era preciso "acabar com essa bagunça" e ameaçavam denunciar as parlamentares ao Conselho de Ética da Casa. Apesar da situação, as senadoras permaneceram na mesa da Presidência.

— Está encerrada a sessão e não tem som enquanto não sentarmos nesta Mesa. Está suspensa a sessão — corrigiu o presidente do Senado.(O Globo).

4 comentários:

Anônimo disse...

Essas senadoras petistas e comunistas envergonham todas as mulheres brasileiras e espero que a população de seus Estados não as reeleja - que sejam banidas da vida política pelo voto !

Anônimo disse...

Artur Nogueira diz:
A esbórnia é total.Isso tem nome: IMPUNIDADE.
O STF garante.
O falastrão de Garanhuns, ex presidente da República, chefe do maior esquema de corrupção já perpetrado por estas plagas, deita e rola falação, desafiando a justiça com suas bravatas e seu cinismo.
A ex presidente terrorista, deposta legalmente , além de gestora incompetente, foi também cúmplice de todo esquema de corrupção e agora sai por aí divulgando teses esquerdistas de como enganar o povo e quebrar o Estado.
Agora, toda a esquerda está começando a ficar em polvorosa. As fontes estão ameaçadas. Para ficar bom mesmo, o ideal seria, além da aprovação das reformas, fim do financiamento público dos partidos, fim de impostos e contribuições para sindicatos e aumentar pressão das ruas.

Anônimo disse...

As pestes comunistas, grupos de sindicatos de ladrões, refinados anarquistas e baderneiros profissionais são assim: não fazem nada para o povo e, quando entra alguém que tenta fazer algo, obstruem o quanto possam!
Eles são assim: se v está a favor, estou contra, embora se reconheça que gentalha que só tem esterco marxista na cabeça só dá nisso!
2018 vem aí, sras. conspiradoras desordeiras black blocs!

Anônimo disse...

Vaganádegas.