quarta-feira, 31 de janeiro de 2018

Safadeza sem fim: Lula inventou reunião na Etiópia para escapar da cadeia.

O ex-presidente queria decolar em janeiro rumo a Adis Abeba para um encontro que será realizado no fim de fevereiro em Cartum, no Sudão. A Etiópia, aliás, é um dos países mais acolhedores para fugitivos. Post de Augusto Nunes:


Impedido de decolar rumo a Adis Abeba pelo confisco do passaporte, Lula gravou uma mensagem em vídeo aos participantes do congresso sobre a fome promovido na capital da Etiópia por um órgão da ONU. Entre outras demonstrações de que mente mais do que respira, o ex-presidente fantasiou-se de perseguido político e lamentou a perda da oportunidade de mostrar como fez para que acabasse no Brasil a fome que continua.

Nesta quarta-feira, em sua coluna na internet, o jornalista Carlos Brickmann informou que Lula antecipou para janeiro, e transferiu para outro país, um encontro que ocorrerá no fim de Janeiro em Cartum, no Sudão. Neste instante, a Etiópia não tem nenhum congresso do gênero em andamento. Também não tem nenhum acordo com o Brasil que permita a extradição de condenados foragidos.

2 comentários:

César de Castro Silva disse...

E um pilantra da pior espécie, e pensar que ainda existe gente que defende um meliante desse.

Anônimo disse...

Nas horas vagas o jumento Lula rosna suas asneiras na midia...
Nas horas de trabalho, o jumento pinta e borda com a justiça, dando aquela que até agora estão engolindo: sabem com quem estão mexendo?
E vai ficando soltinho da silva....